Pages

sábado, agosto 28, 2010

30 dias


   Nome? Idade? Suas preferências? Essas são possivelmente as respostas mais comuns usadas para se conhecer alguém. Sou Joanna Garcia, 21 anos. Ah, e minhas preferências? Eu poderia dizer coisas como famílias, amigos ou o amor. Hipocrisia. Família? Perdi. Amigos? Nunca tive. Amor? O mais próximo que cheguei disso foi uma noite com um desconhecido, fizemos juras eternas: iríamos nos casar em Las vegas e ter 7 filhos. Pena que no dia seguinte eu acordei sozinha no meu apartamento.
   Meus pais morreram em um acidente de trânsito quando eu tinha 17 anos. Cursava o último ano do colegial nessa época, e a garotinha exemplo foi de responsável à desiquilibrada em pouco tempo. Morei com minha tia nessa época, o inferno. Aos 18 anos, fugi da cidade pequena em que morava e fui para São Paulo, viver a vida a meu modo. Posso dizer que não foi difícil arranjar um emprego: modestia à parte, sou bonita e sei usar isso. Comecei como atendente de uma boate, aos poucos fui promovida e hoje sou gerente de uma das boates mais conhecidas da cidade.
   A minha vida se resume a noites intermináveis, bebidas, sexo, rock, às vezes droga. Não me lembro de ter visto o sol muitas vezes nos últimos 3 anos. Sou como uma coruja, sim. Cada noite uma nova experiência, uma nova paixão. A única pessoa que realmente conheço é meu chefe, ele é uma espécie de anjo para mim. Não que ele seja uma pessoa decente. Alto, moreno, 28 anos, bonito. Às vezes dá em cima de mim, e já ficamos algumas vezes. Ele, assim como eu, nasceu para viver na noite. Em dias vazios, se comporta muito pior do que eu, mas, diferente de mim, sabe a hora de parar: é ele que me tira dos apuros.
  Todos que me conhecem, ainda que só por uma noite, acabam pensando que um dia vou me matar. Pro diabo com isso. Sou como os grandes heróis, morrerei dignamente ao menos. Droga, estou apenas vivendo.

CONTINUA (...)

10 comentários:

  1. Tão bom esse texto....
    Continua logo!!!!

    ;*

    ResponderExcluir
  2. amei o blog $: , vou seguir ! segues o meu ? :b , beijinho*

    ResponderExcluir
  3. Os grande herois morreram de overdose, mas eles foram herois..e para se igualar a eles, ao menos você deveria fazer quesá apenas uma coisa inesquecivel pro MUNDO.
    Qual seu feito? Fuder com sua vida pq seus pais morreram!? ãhã, Fácil demais!
    ;)

    espero que a história dê uma virada!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!
    \õ/
    Seguindo...

    ResponderExcluir
  4. Isabele, entre o sonho e a realidade eu prefiro a realidade que me permita sonhar. http://jefhcardoso.blogspot.com

    ResponderExcluir
  5. Adorei o txt flor! Simplesmente demais. Parabéns e sucesso \o/~

    ResponderExcluir
  6. Gostei, desse começo, gosto de histórias assim, .. esperando anciosa a continuação... e adorei a parte
    "Sou como os grandes heróis, morrerei dignamente ao menos. Droga, estou apenas vivendo."

    ResponderExcluir
  7. muito bom! quero ler a continuação. você também escreve muito bem. E obrigada por comentar lá no blog. Tá díficil de comentários lá. haha
    Espero que eu consiga mesmo terminar o livro histórico, obrigada pelo elogio.
    beijos

    ResponderExcluir
  8. agora estou aqui http://docesinstantes.blogspot.com me segue lá?

    bjo

    ResponderExcluir
  9. Muito gostoso teu blog..
    Lindo as imagens, maravilhoso os textos, parabéns.

    Estou começando o meu cantinho, se puder passar por lá será muito bem vindo
    tatapalavrasaovento.blogspot.com

    Bjos
    Talita!!

    ResponderExcluir

Os comentários são moderados para que eu possa ler e responder todos. Escrevam seus pensamentos!